Enquetes

Clique aqui ou na imagem abaixo para votar: de qual reportagem do Joca você mais gostou ao longo dos 10 anos do jornal?

interna_10 anos reportagem

Clique aqui ou na imagem abaixo para votar: quando o assunto é mundo, qual é sua reportagem preferida já publicada pelo Joca?


10 notícias em 10 anos

Para comemorar e relembrar a história do mundo e do Joca nos últimos 10 anos, confira notícias que se destacaram no jornal – fique de olho, pois vamos atualizar esse conteúdo a 15 dias até o fim de 2021!

Joca-Capa-01
Capa da edição 1 do Joca

A primeira capa
Vamos começar com a primeira capa, da edição número 1, de novembro de 2011: “Somos 7 bilhões de pessoas”. A estreia do Joca trazia um alerta: o que fazer para preservar o planeta diante do crescimento da população? Em 2021, já somos mais de 7,6 bilhões de pessoas.

capa 9
Capa da edição 9 do Joca

A guerra na Síria
Em 2012, na edição número 9, a guerra da Síria foi o assunto da capa do Joca pela primeira vez. O tema voltaria a estampar as manchetes do jornal nas edições 29 (2013), 60 (2015) e 90 (2017), além de aparecer em outras reportagens do impresso (mesmo sem estar na capa) e do site ao longo dos últimos anos. Uma delas falava sobre a jovem Myriam Rawick, na época com 13 anos, que escreveu um diário sobre sua vida em meio ao conflito na cidade síria de Aleppo.

Os leitores do Joca ficaram tão interessados pela notícia, publicada no site, que insistiram para ter acesso a uma versão em português do livro lançado pela garota, O Diário de Myriam. Deu tão certo que algumas das mensagens dos jovens sobre a obra foram até parar nas páginas da versão traduzida para o nosso idioma.

capa-Joca-20
Capa da edição 20 do Joca

Vozes jovens
A capa da edição 20 do Joca, de abril de 2013, trouxe uma das figuras mais inspiradoras para os jovens na busca por seus direitos: Malala Yousafzai. A reportagem falava sobre o retorno da paquistanesa à escola, aos 14 anos, meses depois de ter sofrido um atentado em seu país por defender os direitos das garotas de estudar. Em junho de 2020, ela se formou na universidade, o que virou notícia no site do Joca.

Malala não foi a única jovem ativista a ter destaque no jornal. Mais recentemente, na edição 138 (setembro/outubro de 2019), Greta Thunberg estampou a capa quando uma greve pelo clima, ocasionada por um movimento liderado pela sueca, levou jovens às ruas de mais de 180 países.

capa-joca-21
Capa da edição 21 do Joca

Crise entre as Coreias
Abril de 2013 foi marcado por momentos de tensão quando a Coreia do Norte declarou estado de guerra contra a Coreia do Sul. A notícia foi capa da edição 21 do Joca. Aquele que já tinha sido um único país, a Coreia, foi dividido em dois em 1948. Entre 1950 e 1953, houve conflitos entre eles, suspensos em seguida por uma trégua.

Mais preocupação veio em 2017, quando Kim Jong-un, líder da Coreia do Norte, realizou testes nucleares, criticados por países como os Estados Unidos. Houve ameaças de ataques entre norte-coreanos e norte-americanos – tema que foi capa das edições 93 e 102 do Joca.

Uma das notícias mais recentes, do fim de julho deste ano, aponta que as Coreias estão tentando reconstruir relações. Os canais de comunicação direta entre essas nações, por exemplo, foram retomados.

Fontes: CNN Brasil e UOL.

Capa-Joca-41
Capa da edição 41 do Joca

Em busca de refúgio
Quem acompanha o Joca está por dentro, por exemplo, do projeto Mi Casa, Tu Casa • Minha Casa, Sua Casa, para venezuelanos refugiados e migrantes que estão em Roraima (saiba mais na edição 174). Mas talvez não saiba que a questão dos refugiados no Brasil já estava na capa do Joca em 2014, na edição 41.

A reportagem falava sobre o aumento do número de pessoas que procuravam abrigo em nosso país: na época, eram em torno de 5.200 refugiados vivendo aqui. Hoje, segundo o ACNUR (Agência da ONU Para Refugiados), o Brasil já reconheceu cerca de 59 mil pessoas nessa situação.

Capa-Joca-50
Capa da edição 50 do Joca

Torneiras secas
“FALTA ÁGUA EM SÃO PAULO, O ESTADO MAIS POPULOSO DO BRASIL.” Essa era a manchete da capa da edição 50 do Joca, de novembro de 2014. Naquele momento, São Paulo enfrentava uma seca histórica e muitas pessoas relatavam falta de água em casa: eram em torno de 13 milhões de habitantes atingidos pela situação. Na reportagem, além de contar o que estava acontecendo, o Joca ouviu depoimentos de jovens paulistas.

Atualmente, sete anos mais tarde, o Brasil volta a enfrentar um período de seca em diversas regiões. O assunto esteve em reportagem da edição 175 do Joca.

Capa da edição 80 do Joca

Rio, cidade olímpica
A edição 80 do Joca, de agosto de 2016, foi especial. Naquele mês, entre os dias 5 e 21, a cidade do Rio de Janeiro sediava a Olimpíada. E as páginas do jornal traziam diversas informações sobre o evento, do calendário das disputas a uma entrevista com Marcelo Traldi, responsável pela gestão da alimentação dos Jogos Olímpicos do Rio. Ele deu detalhes sobre o preparo das refeições na Vila Olímpica, com números impressionantes: cem mil pães, uma tonelada de carne vermelha e 3 mil pizzas por dia!

Capa da edição 120 do Joca

Cidadania jovem
O ano de 2018 foi eleitoral no Brasil. A população compareceu às urnas para votar em diversos cargos políticos, como presidente e governador. Um pouco antes do primeiro turno, a edição 120 do Joca, de 24 de setembro, trazia na capa outros exemplos de cidadania, protagonizados por jovens. Os casos iam de solução de problemas em bairros a um participante do programa Câmara Mirim, em que jovens criam projetos de lei para ser analisados e votados por uma comissão de estudantes na Câmara dos Deputados, em Brasília (DF).