A cidade de Nazaré Paulista, no estado de São Paulo, recebeu, no dia 12 de março, uma ação para plantar árvores em homenagem aos mortos pela covid-19 no Brasil. A iniciativa faz parte do Healing Trees, movimento internacional que tem como objetivo plantar uma muda para cada vítima da doença no mundo. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), em novembro de 2021, foi batida a marca de 5 milhões de pessoas que já perderam a vida em decorrência do novo coronavírus. Por isso, a ação tem como meta plantar 5 milhões de árvores ao redor do planeta até maio de 2022.

Em Nazaré Paulista, foram plantadas, ao todo, cem mudas nativas (originais do Brasil) às margens da represa Atibainha. Participaram da ação membros e voluntários de instituições, Organizações Não Governamentais (ONGs) e movimentos sociais, como o Instituto de Pesquisas Ecológicas (IPÊ), que doou as mudas usadas na ação.

Antes do plantio, todos fizeram um minuto de silêncio em homenagem às vítimas da covid-19. “Esta é a maneira simbólica que encontramos de reverenciar as pessoas que se foram por causa da pandemia (…)”, disse Suzana Padua, presidente do IPÊ. “É também uma forma de ajudar a regenerar a vida no planeta e reafirmar que é nosso direito ter um meio ambiente equilibrado.”

Ao redor do mundo
Criado na Costa Rica, o movimento Healing Trees está presente em 14 países, entre eles, México, Austrália e Nigéria. Para participar da campanha, basta acessar o site do programa, preencher um formulário, dizer quantas mudas você se compromete a plantar e em que país isso será feito. Depois, é hora de fazer o plantio.

Fontes: Instituto de Pesquisas Ecológicas (IPÊ), Healing Trees e Folha de S. Paulo.

Esta matéria foi originalmente publicada na edição 184 do jornal Joca.

Enquete

De qual capa do Joca em 2022 você mais gostou até agora?

Comentários (2)

  • Jok091012

    2 meses atrás

    È verdade, ótima iniciativa!

  • MARILUCE Costa Pinto

    2 meses atrás

    Bela iniciativa!

Compartilhar por email