A Universidade de Turku, na Finlândia, criou um programa que tem diminuído muito os casos de bullying nas escolas.

Resultado de imagem para turku university

O método, que é chamado de KIVa, inclui jogos, exercícios e simulações com vários objetivos, entre eles o que fazer com que os alunos se coloquem no lugar dos outros, incentivar os jovens a pensar em maneiras de ajudar as vítimas e encorajá-los a parar com atitudes e comentários que possam deixar os colegas tristes.

Resultado de imagem para kiva bullying

Até agora, o KIVa já foi implantado em escolas da Finlândia, Itália, Holanda e Reino Unido. Na Itália, por exemplo, pesquisas apontam que, nos colégios que usam o programa, houve uma redução de 55% nos casos de bullying.

Resultado de imagem para kiva bullying

Já na Finlândia, 98% das vítimas disseram que a situação melhorou depois da chegada do KIVa.

Bullying no Brasil

Resultado de imagem para sem bullying

– O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) fez uma pesquisa sobre bullying com 109.104 alunos do nono ano. O estudo mostrou que  20,8% dos estudantes já praticaram bullying.

– Outra pesquisa do IBGE mostrou que 46% dos jovens brasileiros afirmam já ter sofrido bullying. Em 2012, quando essa mesma pesquisa foi feita, 35% dos alunos diziam ter sido vítimas de bullying.

– A aparência física é apontada como uma das principais causas de bullying.

Enquete

Pelo o que você mais está esperando em 2022?

Comentários (1)

  • Mount Logan Middle School

    3 anos atrás

    wow thats not good at all

Compartilhar por email