Canal aberto

Um amigo do meu prédio fica espalhando para todo mundo que minha avó é cega. Isso me deixa muito chateada. Como posso resolver isso? Marina P., 10 anos

Respostas de alunos do Colégio Motiva – Unidade João Pessoa (PB)
Não ligue para o que ele diz ou pensa. Isso é um problema de saúde e não uma coisa para se fazer piada. Até porque a avó não é dele. Se fosse, ele sentiria a mesma tristeza. Júlia Evelyn C., 10 anos

Como isso te machuca, chame os seus pais e diga o que está acontecendo. Eles vão falar com os pais dele. Não tente agredi-lo, pois isso é errado e fará com que você perca a razão. Artur P., 11 anos

É só dizer para ele que isso irrita e pedir que ele pare. João Pedro S., 10 anos

Eu diria: “Por favor, pode parar de fazer isso? Todo mundo é diferente, ninguém é igual”. Valentina M., 10 anos

A especialista
Falar que uma pessoa é cega não significa falar mal. Se esse amigo diz isso como se fosse algo ruim, ele não sabe o que está falando e o problema é mais dele do que seu, entende? Mas se isso te chateia mesmo assim, tente conversar com ele e explicar que você não acha legal esse tipo de comentário, que te deixa magoada. Se mesmo assim ele não parar e isso incomodá-la muito, converse com os seus pais ou responsáveis para que eles te ajudem a pensar o que mais pode ser feito. Algumas vezes não conseguimos mudar comportamentos chatos dos outros. Quando isso acontece, o melhor é tentar não se importar. A tendência é que ele comente cada vez menos. Boa sorte!
Natércia M. Tiba Machado – psicóloga clínica, psicoterapeuta de casal e família. Tel.: (11) 99938-0207

A próxima pergunta…
Tenho um amigo que sempre tira sarro quando eu erro uma pergunta fácil ou se perco para ele em um jogo. Já tentei não ligar, mas ele não para de me zoar. O que posso fazer para resolver esse problema? Karina S., 9 anos

O que você faria se…
…os eletrônicos acabassem? Gustavo, 9 anos

Respostas de alunos do Colégio Motiva – Unidade João Pessoa (PB)

Eu ficaria triste, mas teria mais tempo para ficar com a família e brincar com os amigos. Mariana P., 11 anos

Eu não ligaria. A gente não nasce grudado em um eletrônico. Temos que olhar mais para o mundo, porque tem gente que vê a vida passar no celular. Pietra Maria, 10 anos

Respostas de alunos da Emef Guilherme de Almeida (SP)
Eu iria desenhar e brincar com meu irmão gêmeo. Marcos P., 7 anos

Eu não ficaria triste, aproveitaria as minhas brincadeiras preferidas e brincaria com os meus amigos. Lavínia G., 8 anos

A próxima pergunta
…pudesse voltar no tempo, no ano de 1500, quando os portugueses chegaram ao Brasil? Alunos do 5º ano do Centro Educacional Pioneiro (SP)

Carta dos leitores

Olá, jornal Joca!
Nós somos alunos do 5° ano A da E. E. Eng. Octávio Marcondes Ferraz (SP). Queremos comentar a notícia “Governo federal congela R$ 7,4 bilhões da Educação”, publicada na edição 131. Foi nosso primeiro contato com o jornal Joca e gostamos muito. Por esse motivo, resolvemos escrever esta carta. Na nossa opinião, não deveriam ser feitos cortes na Educação porque podemos não ter mais melhorias na educação pública. Além disso, não achamos que o governo gasta demais com o ensino. Sugerimos que façam uma matéria sobre escolas públicas no Brasil que estão sem infraestrutura para funcionar corretamente.
Alunos do 5° ano A da E. E. Eng. Octávio Marcondes Ferraz (SP)

Joca-137-impresso-carta-leitores
#pracegover: a imagem mostra a página da reportagem citada na “Carta dos leitores”, com o título: Governo federal congela R$ 7,4 bilhões da Educação. Foto: reprodução jornal Joca.

Tem novidade na edição do Joca em PDF*
Links para conferir mais conteúdos sobre os temas de algumas reportagens. Basta acessar o PDF das edições no site bit.ly/joca-pdf-interativo
*Disponível a partir da edição 136.

Visite a redação do Joca e seja o editor mirim convidado da próxima edição! Escreva para joca@magiadeler.com.br.

Quer assinar o Joca?
(11) 3477.3233
contato@magiadeler.com.br
jornaljoca.com.br

Enquete

Como você está participando dos 10 anos do Joca?

Comentários (0)

Compartilhar por email