A equipe brasileira exibe a medalha de prata.

 

A equipe brasileira exibe a medalha de prata

No domingo, dia 23, o Brasil conquistou medalha de prata no revezamento 4×100 do Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos, que acontece em Budapeste, na Hungria.

Em uma disputa por equipes, os nadadores Cesar Cielo, Bruno Fratus, Marcelo Chierighini e Gabriel Santos atingiram a marca de 3 minutos, 10 segundos e 34 milésimos, ficando atrás apenas dos Estados Unidos. A equipe da Hungria ficou em terceiro lugar.

No revezamento 4×100 por equipes, cada nadador deve nadar 100 metros e, então, passar a vez para o próximo atleta do time. O grupo que nadar mais rápido do que os outros ganha.

Ao longo da disputa, os brasileiros ficaram bem perto de ganhar a medalha de ouro. O primeiro a entrar na água foi Gabriel, que terminou sua performance um segundo atrás dos americanos. Em seguida, foi a vez de Marcelo, que também terminou na segunda colocação. Cielo, que veio logo depois, chegou a encostar nos Estados Unidos, aumentando as chances de medalha de ouro. Por fim, Bruno, o último a entrar na disputa, nadou lado a lado do americano Nathan Adrian, mas não conseguiu sair na frente.

Com essa conquista, o Brasil colocou fim a um longo período sem ganhar medalhas na categoria por equipes.

A última vez em que uma equipe brasileira subiu ao pódio em uma competição grande, como campeonato mundial ou Olimpíadas, foi em 2000, na Olimpíada de Sydney, quando os atletas Gustavo Borges, Edvaldo Valério, Carlos Jayme e Fernando Scherer faturaram o bronze.

Enquete

Quais são os assuntos que você mais gosta de ouvir nos podcasts do Joca (Revisteen e Papo Joca)?

Comentários (0)

Compartilhar por email