Resultado de imagem para acordo de paris

O Acordo de Paris, o primeiro pacto mundial para combater a mudança climática e manter o aumento da temperatura média da Terra “muito abaixo de 2°C”, entrará oficialmente em vigor nessa sexta-feira, 4 de novembro, quase um ano depois da sua aprovação. O acordo foi aprovado por líderes de 195 países em dezembro de 2015 e marcou o início de um novo capítulo para a humanidade e demonstra que os países têm um comprometimento sério para lidar com o tema.

Resultado de imagem para acordo de paris

Para comemorar este dia histórico para as pessoas e para o planeta, o secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, reunirá representantes da sociedade civil para uma conversa na sede da ONU, em Nova Iorque. O Acordo começa pouco antes da 22ª Conferência da ONU sobre o Clima, que começa na segunda-feira (7)  na cidade marroquina de Marrakesh.

Resultado de imagem para acordo de paris

Os países deverão criar maneiras de produzir energia limpa e renovável, como transportes e casas que consomem menos energia, novas práticas agrícolas, etc.

PRINCIPAIS PONTOS DO ACORDO DO CLIMA
– Países devem criar ações para que o aquecimento global fique muito abaixo de 2ºC, buscando limitá-lo a 1,5ºC
– Países ricos devem garantir financiamento de US$ 100 bilhões por ano aos países pobres para que eles também criem formas de manter a temperatura global abaixo de 2ºC
– O Acordo deve ser revisto a cada 5 anos

Enquete

Como você prefere estudar enquanto está em casa?

Comentários (1)

  • Beatriz e Gustavo Nastri Miranda

    1 ano atrás

    A China e o Brasil são os paises que mais estão trabalhando contra as mudanças climáticas.

Compartilhar por email