A NASA,a agência espacial americana, divulgou que o mês de abril foi o sétimo seguido a bater recordes de temperatura em todo o mundo.

Fevereiro e março tiveram temperaturas mais altas que a média também mas abril bateu o recorde anterior, em 2010, por 0,24º Celsius.

Segundo a  NASA, a causa do calor é que o fenômeno El Niño foi potencializado pelo aquecimento global.

Essas quebras de recordes nas temperaturas  fez bater também o recorde no número de incêndios e as secas na Índia, por exemplo.

O mapa do Inmet mostra o aumento de temperatura em abril de 2016 (Foto: BBC/Inmet)

(Foto: Inmet)

Brasil


O Brasil seguiu o padrão global de aumento de temperatura mas em algumas regiões, especialmente Sul, Centro e Nordeste do país, houve aumento de até 3º Celsius, comparando o mês nos últimos 53 anos.

EUA

Um estudo realizado por várias agências dos EUA prevê que o calor extremo vai provocar mais 11 mil mortes em 2030 só nos EUA.

Em 2100, as previsões apontam para que as mortes associadas às altas temperaturas sejam mais 27 mil face às atuais.

Enquete

Na sua opinião, até agora, qual foi o fato mais importante de 2020 (além da pandemia do novo coronavírus)?

Comentários (0)

Compartilhar por email