A ponte de gelo que se forma no glaciar Perito Moreno sobre a península Magallanes, no lago Argentino, no sul da Argentina, colapsou esta quinta-feira.

Às 10h55 horas diante de uma multidão de turistas, a ponte e parte da frente de gelo do glaciar se romperam. Veja o vídeo:

O local, que fica no Parque Nacional dos Glaciares, na província argentina de Santa Cruz,  recebe cerca de 700 mil turistas por ano.

O fenômeno natural ocorre devido à pressão que a água do lago Argentino faz sobre um dique natural que o Perito Moreno forma.

A pressão obriga o glaciar a formar um arco, que acaba por colapsar, proporcionando um espetáculo que é sempre diferente.

O último colapso ocorreu em 2012.

Esse é um dos fenômenos mais famosos e únicos do mundo. A grande ruptura só acontece quando a geleira e a montanha se unem.

A água fez pressão por baixo da geleira e conseguiu destruir a barragem, fazendo a ponte de gelo desabar.

Depois disso, o gelo volta a se unir com o Canal de los Témpanos, e um novo ciclo imprevisível de quatro ou cinco anos é iniciado, até a nova ruptura colossal.

A última vez que isso ocorreu foi em 2012, mas de madrugada, sem que ninguém pudesse presenciar o fenômeno.

Desta vez, 2.000 pessoas viram a ruptura ao vivo e milhares pela TV. Todas as estações argentinas direcionaram suas câmeras para a geleira

Enquete

Pelo o que você mais está esperando em 2022?

Comentários (0)

Compartilhar por email