Resultado de imagem para 416 virus

Pesquisadores da USP (Universidade de São Paulo) de Ribeirão Preto criaram uma plataforma que é capaz de identificar doenças como Zika e Chikungunya.

A nova ferramenta é capaz de captar a presença de 416 vírus típicos de regiões tropicais, um tipo de clima de países como Brasil e Índia.

A plataforma conta com uma lâmina de vidro que possui 15 mil sondas. Ao colocar uma amostra de sangue nela, uma marcação apontará a existência de um dos 416 vírus.

Resultado de imagem para Victor Hugo Aquino

De acordo com o coordenador da pesquisa, o professor Victor Hugo Aquino, muitas vezes, as ferramentas que existem atualmente não descobrem se a pessoa está com Zika ou dengue, por exemplo. “Ficamos sem saber quais vírus estão realmente circulando“, afirma.

Agora, a ideia dos pesquisadores é levar a plataforma para centros de pesquisa como a Fundação Oswaldo Cruz, o Instituto Adolfo Lutz e o Instituto Evandro Chagas. Nesses locais, os profissionais especializados poderão estudar os vírus, para que eles possam ser evitados no futuro.

Além das doenças passadas por mosquitos e carrapatos, a nova ferramenta também pode identificar os vírus transmitidos por pequenos mamíferos.

O que é a dengue?

Resultado de imagem para dengue

É uma doença que afeta, em média, 50 milhões de pessoas por ano no mundo. A principal forma de ser transmitida é através da picada do mosquito Aedes aegypti. Os principais sintomas são: febre alta, dor de cabeça, dor no corpo, entre outros.

O que é a Zika?

O Zika é um vírus que, assim como a dengue, também é transmitido pelo mosquito Aedes aegypti. Atualmente, cientistas estão fazendo pesquisas para saber se a doença pode ser transmitida de outras maneiras. Estima-se que 80% das pessoas infectadas não apresentam sintomas. Caso o organismo comece a dar sinais de que está com a doença, é provável que o indivíduo sinta dor de cabeça, febre baixa, coceira, entre outros.

O que é o Chikungunya?

A febre Chikungunya é transmitida pelos mosquitos  Aedes aegypti e Aedes albopictus. Os principais sintomas são dores fortes, febre alta, entre outros. Aos primeiros sintomas, procure um médico.

Enquete

Você conhece alguém que já tomou a primeira dose da vacina contra a covid-19?

Comentários (0)

Compartilhar por email