#pracegover: a ilustração mostra um Tiranossauro rex caçando dois dinossauro Gallimimus. Eles estão com os pés dentro da água, há árvores e rochas ao redor. Imagem: Getty Images.

Ainda há muito a desvendar sobre estes animais de milhões de anos atrás, mas diversas descobertas já foram feitas. Confira algumas delas:

Origem do nome
O termo “dinossauro” vem da combinação de duas palavras gregas que significam “lagarto terrível”. O nome foi dado por causa da semelhança física — ambos os animais são répteis. Isso quer dizer que têm características em comum, como a temperatura corporal que varia de acordo com o ambiente (se está frio, a temperatura do corpo do animal cai; se está calor, aumenta).

Variação
As espécies de dinossauros eram bastante diferentes entre si. Alguns voavam, outros caminhavam sobre duas ou quatro patas. Nem todos eram carnívoros — ou seja, alimentavam-se de outros animais. Alguns consumiam apenas vegetais, os herbívoros.

Quando viveram?
Os dinossauros habitaram a Terra entre cerca de 215 milhões e 65,5 milhões de anos atrás. Nem todas as espécies, entretanto, viveram na mesma época. Assim como ocorre com alguns animais hoje, as espécies de dinossauro foram desaparecendo do planeta aos poucos.

Recordes
O maior terrestre – a disputa fica entre quatro espécies de dinossauros: amphicoelias, argentinossauro, bruhathkayossauro e puertassauro. Todos têm mais de 20 metros de altura (o que corresponde a um prédio de mais ou menos sete andares) e 45 metros de comprimento (cerca de oito ônibus enfileirados).

#pracegover: a ilustração mostra um argentinossauro de perfil. Ele tem pescoço comprido, tom de pele amarronzado com listras pretas e cauda longa. Está de pé sobre suas quatro patas. Imagem: Getty Images.

O maior carnívoro terrestre – o gigantossauro é o dono do título. Ele tinha em torno de 7 metros de altura (mais do que uma casa de dois andares) e 15 metros de comprimento (quase o mesmo que três ônibus).

Fósseis
Acredita-se que o primeiro fóssil de dinossauro tenha sido encontrado na China, há mais de 1.700 anos. Na época, porém, as pessoas pensaram que os ossos eram de dragão.

Oficialmente, o primeiro dinossauro foi descoberto em 1676, na Inglaterra, em uma rocha. O animal desse fóssil era um megalossauro e viveu há cerca de 166 milhões de anos.

No Brasil, os primeiros fósseis foram encontrados por volta de 1897. Aqui, a maior quantidade de fósseis está nos seguintes estados: Ceará, Paraíba, Pernambuco, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais, São Paulo e Rio Grande do Sul.

Fontes: Atlas Virtual da Pré-História, Britannica Escola, Escola Kids, InfoEscola, Mundo dos Animais e Superinteressante.

Texto originalmente publicado na edição 129 do jornal Joca.

Enquete

Que tipo de live você mais gosta de assistir?

Comentários (0)

Compartilhar por email