Rotina de treinos puxada | Divulgação

Júlia Santanna, atleta do Instituto Reação, que forma judocas em regiões carentes do Rio de Janeiro, começou a praticar esportes aos 7 anos, por incentivo de uma amiga. Hoje, aos 16, ela tem uma rotina bem puxada de treinamentos: de segunda a sexta-feira, incluindo alguns sábados. “Tem dias que eu saio de casa às 7 da manhã e só volto às 23h, treinando e contando com a escola”, diz a atleta que sonha participar dos Jogos Olímpicos. “De 2020, se for possível”, completa.

Não há idade mínima para iniciar a prática do judô | Divulgação

Segundo o professor Guilherme Luna, este é o caminho para quem deseja se tornar um atleta de verdade. “Um profissional precisa de uma rotina bastante rígida, com treinos físicos três vezes por semana, treinos técnicos cinco vezes por semana, além de acompanhamento de fisioterapeuta e nutricionista”, afirma.

O judoca Jorge Leandro, de 18 anos, conhece bem essa rotina. Ele também começou cedo, aos 6 anos, após ouvir o conselho de uma amiga de sua mãe. “Eu era hiperativo, bagunceiro. No Instituto Reação consegui me tornar uma pessoa mais responsável e disciplinada”, conta.

Jorge já chegou à seleção brasileira de judô e também sonha ser um grande atleta olímpico. “O judô abriu portas imensas para mim, que nenhum outro lugar poderia abrir”, completa.

Para iniciar a prática do judô, não há idade mínima. Mas para ser um atleta de alto rendimento é necessário alguns requisitos, de acordo com Guilherme. “O aluno precisa ter muita dedicação, determinação, vontade e disciplina”, finaliza.

 

Enquete

Há quanto tempo você é leitor do Joca?

Comentários (2)

  • Grazielly Santos Andrade

    1 ano atrás

    ❤️

  • EMEF Prof. Laerte José dos Santos

    4 anos atrás

    ...incentivando a prática de esporte após trabalhar está reportagem 715 alunos participaram da 1* Kids Run Laerte. Foi pura energia.Valeu Joca pelo apoio e por ter dado a largada deste evento sempre trazendo ótimas notícias.

Compartilhar por email