O maior avião do mundo em envergadura, isto é, a distância entre as pontas das asas, fez o primeiro voo no dia 13 de abril, no deserto de Mojave, na Califórnia (Estados Unidos). Chamado Stratolaunch, ele tem 117 metros de envergadura (pouco menor do que o comprimento máximo permitido para um campo de futebol oficial, que possui até 120 metros).

O Stratolaunch tem a estrutura de um avião duplo: duas partes são unidas por asas gigantescas. O objetivo é que ele carregue foguetes e satélites para serem lançados no espaço, na região da órbita da Terra. Apesar de o Stratolaunch voar até cerca de 11 quilômetros de altitude — mais ou menos a mesma de um avião comum — o plano é colocar um foguete entre os dois corpos que formam a aeronave dupla. Assim, será possível fazer o lançamento do foguete enquanto o avião estiver voando. Porém, ainda não há previsão para que isso aconteça.

#pracegover: a imagem mostra o Stratolaunch visto de prefil e traz as seguintes informações sobre ele – Altura máxima: 15 metros na cauda (uma casa de dois andares); comprimento: 73 metros, do nariz à cauda (o mesmo que cinco ônibus de transporte coletivo); peso: 227 toneladas (38 elefantes-da-savana). Imagem: reprodução.

Outros aviões recordistas
Já o maior avião de passageiros do mundo é o A380, com 72,7 metros de comprimento — quase igual ao Stratolaunch. Entretanto, a envergadura é de 80 metros. Antes do Stratolaunch, o maior avião do mundo em envergadura era o Hughes H-4 Hercules. Ele fez o primeiro voo em 1947 e manteve o título por 71 anos, com 98 metros entre as pontas das asas

#pracegover: a imagem mostra outros dois aivões recodistas, o Hughes H-4 Hercules e o A380. Imagem: reprodução e Getty Images.

Fontes: El País, G1 e Stratolaunch.

Notícia publicada originalmente na edição 130 do jornal Joca.

Enquete

Na sua opinião, até agora, qual foi o fato mais importante de 2020 (além da pandemia do novo coronavírus)?

Comentários (0)

Compartilhar por email