O governo brasileiro anunciou que vai aumentar os impostos sobre combustíveis.

O aumento é para ajudar a cobrir o rombo das contas do governo, que já deve R$ 139 bilhões.

Com o aumento dos impostos, espera-se arrecadar R$ 10 bilhões.

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, disse que esse aumento porque ele é “rápido e fácil de ser cobrado”.

A intenção é que ele comece a valer já este ano e continue também em 2018.

MINISTRO E IMPOSTO

Ao assumir o ministério da Fazenda, no ano passado, Henrique Meirelles disse que o governo não aumentaria impostos para melhorar as contas públicas. Mas no meio do ano, o governo admitiu essa possibilidade, após avaliar e calcular que as contas estavam bem piores do que o estimado anteriormente.

O governo esperava arrecadar mais para fechar as contas este ano, mas com tantos desempregados, os brasileiros não compraram muito e portanto, não pagaram tantos impostos.

Outra forma de arrecadar dinheiro era com o programa de parcelamento das dívidas atrasadas, o Refis. Meirelles esperava arrecadar R$ 13 bilhões, mas o projeto foi alterado no Congresso e, agora, a previsão baixou para menos de R$ 1 bilhão, depois que o deputado Newton Cardoso mudou o sentido do texto, prevendo um desconto maior nas multas e juros dos devedores.

 

Enquete

Há quanto tempo você é leitor do Joca?

Comentários (0)

Compartilhar por email