Um menino de 12 anos, ao visitar uma galeria de arte na capital de Taiwan, Taipei, tropeçou e acabou rasgando um quadro muito valioso. 

Ao tentar se apoiar para não cair, o garoto fez, sem querer, um buraco do tamanho de um pulso, em uma pintura estimada em 5 milhões de reais.

O rasgo tem o tamanho de um pulso


A pintura a óleo foi feita no século 17 pelo italiano Paolo Porpora. Chamada ‘Flores’, ela rasgou no momento em o menino se apoiou no quadro. Tudo foi gravado pelas câmeras de segurança da galeria de arte.


Câmeras filmam o menino antes da queda
Durante a queda e…

…quando ele caiu….

Sun Chi-hsuan, chefe da exposição, disse que a pintura tem 350 anos de idade. O quadro estava na Mostra de Mestres Italianos do Renascimento é avaliado em 50 milhões de dólares da nova Taiwan ( moeda local).

A pintura do século 17 foi rasgada por um adolescente

A galeria viu que se tratava de um acidente e decidiu não acusar o menino pelo dano. Veja o video:

Andrea Rossi, curador da exposição, afirmou que a galeria está restaurando a pintura antes de enviá-la de volta para a Itália.

Quadro sendo restaurado
Lê Revê, de Picasso

Não foi a primeira vez que um acidente ocorre dentro de um museu. Em 2006, um homem tropeçou no museu de Cambribge, no Reino Unido, e destruiu vasos chineses com 300 anos.Em 2010, uma mulher caiu sobre um Picasso, no Museu de Arte Moderna, em Nova Iorque, e fez um rasgão de 15 cm.Mas, o mais grave acidente com uma obra de arte, foi o que aconteceu à obra-prima de Picasso, “Le Rêve”, que levou uma cotovelada do bilionário dos casinos norte-americano, Steve Wynn.Ainda assim, ele conseguiu vendê-la em 2013, por uma quantia recorde: 155 milhões de dólares.

Enquete

Há quanto tempo você é leitor do Joca?

Comentários (0)

Compartilhar por email