ELEIÇÕES

O país concluiu ontem a eleição municipal que foi disputada em segundo turno, em 57 cidades.

No Rio de Janeiro, a segunda maior cidade do país, Marcelo Crivella (PRB) venceu Marcelo Freixo (PSOL). O senador Crivella,  é bispo licenciado da Igreja Universal.

Rio de Janeiro - O senador Marcelo Crivella (PRB) celebra em Bangu ao ser eleito para a prefeitura do Rio de Janeiro com vitória sobre Marcelo Freixo (PSOL), no segundo turno. (Fernando Frazão/Agência Brasil)
Rio de Janeiro – O senador Marcelo Crivella (PRB) celebra em Bangu ao ser eleito para a prefeitura do Rio de Janeiro com vitória sobre Marcelo Freixo (PSOL), no segundo turno. (Fernando Frazão/Agência Brasil)

O partido PSDB teve vitórias importantes, o PT não levou nada no 2º turno e os votos brancos e nulos bateram recorde.

Entre os G-93 (capitais e cidades com mais de 200 mil eleitores), o PT tinha 14 prefeituras, mas agora administrará apenas uma – Rio Branco, no Acre. O partido do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva perdeu as sete cidades em que disputou segundo turno neste domingo, inclusive prefeituras de São Paulo e Goiânia, e de cidades importantes em São Paulo como Guarulhos, São Bernardo do Campo e São José dos Campos.

urna eletrônica. Foto: Nelson Jr./ ASICS/TSE

No total nacional, o PT foi de 638 prefeitos eleitos em 2012 para 254 neste ano – de 11,2 milhões de eleitores sob sua gestão nas cidades, passará a apenas 1,6 milhão.

Considerando todos os municípios, o PSB administrará 415 cidades, ante 440 em 2012. Também terá menos eleitores sob uma administração da sigla: 4,7 milhões, contra 6,1 milhões há quatro anos.

Enquete

Há quanto tempo você é leitor do Joca?

Comentários (0)

Compartilhar por email