Urna eletrônica usada nas eleições do Brasil. Foto: Erlon Silva - TRI Digital/Getty Images

Em 15 de novembro, os brasileiros foram às urnas para escolher quem seriam os novos prefeitos e vereadores do país.

Sete capitais brasileiras já elegeram prefeitos e 18 terão segundo turno. Já Macapá, no Amapá, teve o primeiro turno adiado para 6 de dezembro por conta do apagão que ocorreu no estado (saiba mais aqui). Caso algum município do estado precise do segundo turno, ele será realizado em 20 de dezembro.

O Joca separou duas listas: uma com os candidatos que vão disputar o segundo turno, em 29 de novembro, e outra com os que já venceram no primeiro turno. Confira.

Capitais que já definiram seus prefeitos:

Belo Horizonte (MG)

Alexandre Kalil (PSD)

Campo Grande (MS)

Marquinhos Trad (PSD)

Curitiba (PR)

Rafael Greca (DEM)

Florianópolis (SC)

Gean Loureiro (DEM)

Natal (RN)

Álvaro Dias (PSDB)

Palmas (TO)

Cinthia Ribeiro (PSDB)

Salvador (BA)

Bruno Reis (DEM)

Capitais que terão segundo turno:

Aracaju (SE)

Edvaldo Nogueira (PDT)

Delegada Danielle Garcia (Cidadania)

Belém (PA)

Delegado Federal Eguchi (Patriotas)

Edmilson Rodrigues (PSOL)

Boa Vista (RR)

Arthur Henrique (MDB)

Ottaci Nascimento (SD)

Cuiabá (MT)

Abílio Júnior (Podemos)

Emanuel Pinheiro (MDB)

Fortaleza (CE)

Capitão Wagner (Pros)

Sarto Nogueira (PDT)

Goiânia (GO)

Maguito Vilela (MDB)

Vanderlan Cardoso (PSD)

João Pessoa (PB)

Cícero Lucena (Progressistas)

Nilvan Ferreira (MDB)

Maceió (AL)

Alfredo Gaspar de Mendonça (MDB)

João Henrique Caldas (PSB)

Manaus (AM)

Amazonino Mendes (Podemos)

David Almeida (Avante)

Porto Alegre (RS)

Sebastião Melo (MDB)

Manuela d’Ávila (PCdoB)

Porto Velho (RO)

Cristiane Lopes (PP)

Hildon Chaves (PSDB)

Recife (PE)

João Campos (PSB)

Marília Arraes (PT)

Rio Branco (AC)

Socorro Neri (PSB)

Tião Bocalom (PP)

Rio de Janeiro (RJ)

Eduardo Paes (DEM)

Marcelo Crivella (Republicanos)

São Luís (MA)

Eduardo Braide (Podemos)

Duarte Júnior (Republicanos)

São Paulo (SP)

Bruno Covas (PSDB)

Guilherme Boulos (PSOL)

Teresina (PI)

Dr. Pessoa (MDB)

Kleber Montezuma (PSDB)

Vitória (ES)

Delegado Pazolini (Republicanos)

João Coser (PT)

Observação: Em Macapá (AP), o primeiro turno acontecerá em 6 de dezembro. Não existem eleições municipais no Distrito Federal.

O que as siglas dos partidos querem dizer?

DEM (Democratas), MDB (Movimento Democrático Brasileiro), PCdoB (Partido Comunista do Brasil), PDT (Partido Democrático Trabalhista), PP (Progressistas), Pros (Partido Republicano da Ordem Social), PSB (Partido Socialista Brasileiro), PSD (Partido Social Democrático), PSDB (Partido da Social Democracia Brasileira), PSOL (Partido Socialismo e Liberdade), PT (Partido dos Trabalhadores) e SD (Solidariedade).

O que fazem os prefeitos?

Governam um município. A principal responsabilidade do cargo é administrar o dinheiro público que vem dos impostos municipais, decidindo em que setor aplicá-lo. Com os secretários de cada área, o prefeito define, por exemplo, quanto vai para a construção de escolas e manutenção de infraestrutura (como pavimentação de ruas).

O que fazem os vereadores?

Representam os cidadãos de um município na Câmara Municipal. Eles elaboram, debatem e votam leis municipais, além de ajudar na definição dos gastos da verba do município.

O que é primeiro e segundo turno?

O primeiro turno é o primeiro dia de votações (neste ano, foi no dia 15 de novembro). Quando um candidato recebe a maioria absoluta dos votos, ou seja, 50% mais um, ele é eleito. Caso contrário, é realizada outra rodada com os dois mais votados, chamada de segundo turno. 

Saiba mais sobre as eleições nos Manuais das Eleições do Joca.

*Matéria atualizada em 30 de novembro, às 18h34.

Fontes: CNN Brasil e Congresso em Foco

Enquete

O que você mais tem feito pela sua saúde mental durante a pandemia?

Comentários (1)

  • Erick Salviano Maciel Melo

    4 meses atrás

    muito baum aprendeu isso

Compartilhar por email