Capa do livro Diário de um Banana: Batalha Neval
Capa do livro Diário de um Banana: Batalha Neval

Por Lucas K., 10 anos, e Nicolas L., 11 anos

Diário de um Banana: Batalha Neval, vol. 13 (Jeff Kinney, Editora V&R)

Tudo começou quando as crianças eram pequenas e já se odiavam, porque eram de turmas de ruas diferentes. Como em alguns dos outros livros desta série, elas se encaram feio e se consideram rivais.

Em um dia de neve, a escola fechou e Greg se prepara para uma batalha neval. O que será essa batalha? Quem irá vencer?

Greg e Rowley estavam com seus amigos em seu forte feito de gelo esperando os vizinhos da rua de baixo avançarem. Quando os inimigos chegaram para detê-los, Greg e seus amigos se defenderam de forma inusitada, jogando lixo, bolas de neve em cima deles.

Gostamos do livro porque é engraçado e conta sobre a vida de um garoto considerado “meio banana”, porque é esquecido, preguiçoso e muito envergonhado.

Texto produzido durante oficina de férias do jornal Joca, em julho de 2019.

 

Enquete

Na sua opinião, até agora, qual foi o fato mais importante de 2020 (além da pandemia do novo coronavírus)?

Comentários (0)

Compartilhar por email