#pracegover: a imagem mostra a capivara que foi escolhida como mascote da Copa América. O personagem usa uma camiseta branca, com detalhes em amarelo e verde, onde se lê: Conmebol – Copa América – Brasil 2019. Seu short é verde, o tênis é azul e as meias, amarelas. A capivara segura bola debaixo do braço esquerdo. Imagem: divulgação.

A Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) revelou que a mascote da Copa América, que ocorrerá no Brasil entre 14 de junho e 7 de julho, será uma capivara. O animal foi escolhido por ser muito presente na natureza da América do Sul, principalmente no Pantanal e nas bacias dos rios Amazonas, Paraná e Araguaia. Além disso, é bastante sociável e convive bem com outras espécies.

Chamada de Zizito, a capivara homenageia o jogador brasileiro Zizinho, que, empatado com o argentino Norberto Méndez, foi quem fez mais gols na Copa América até agora — foram 17. A escolha do nome foi feita por meio de uma votação popular, encerrada em 12 de abril. A outra opção era Capibi, a junção das palavras “kapii’gwara”, que significa capivara, e “yby”, que quer dizer terra, ambas em tupi, língua falada por povos indígenas brasileiros.

O primeiro jogo do torneio será entre Brasil e Bolívia, em 14 de junho, no estádio do Morumbi, em São Paulo.

Novo uniforme
Para homenagear o aniversário de 100 anos do primeiro título do Brasil na Copa América, a seleção brasileira vai estrear no campeonato de camisa branca, igual à usada na conquista do campeonato em 1919. O uniforme não era visto desde a Copa do Mundo de 1950, realizada no Brasil.

Fontes: Folha de S.Paulo, Gazeta Esportiva, Globo Esporte, HuffPost Brasil e Terra.

Notícia publicada originalmente na edição 129 do jornal Joca.

Enquete

Que tipo de live você mais gosta de assistir?

Comentários (0)

Compartilhar por email