Foto: divulgação
Seminário de Olinda
Seminário de Olinda

Patrimônio histórico e artístico da Unesco, o Seminário de Olinda pode desabar. A construção histórica de Pernambuco foi interditada pela Defesa Civil no dia 28 de maio, por oferecer riscos aos 55 seminaristas e quatro padres que ali vivem.

Os religiosos precisam desocupar o lugar em duas semanas, mas, apesar de tristes, dizem que, com a interdição, vem a esperança de que finalmente o seminário passe pelas reformas de que precisa há anos.

De acordo com o site de turismo de Olinda, o seminário já abrigou o Colégio Arquidiocesano, a Faculdade de Arquitetura e a Escola de Agronomia. Em 1631, foi incendiado por holandeses.

Pelas situações que atravessou e a arquitetura que data dos anos 1500, o seminário é visto como um importante legado à história do Brasil. Apesar disso, a última reforma no local foi feita na década de 1970.

Enquete

Pelo o que você mais está esperando em 2021?

Comentários (0)

Compartilhar por email