Espaço reservado para convidados desfilarem e posarem. Crédito de imagem: Dimitrios Kambouris/Getty Images for The Met Museum/Vogue/reprodução

Todo mundo ligado em moda sabe que o MET Gala é a festa mais importante e glamurosa que acontece anualmente no Museu de Arte Metropolitana de Nova York (Metropolitan Museum of Art, MET), nos Estados Unidos.  

A noite mais fashion do ano tem a presença de aproximadamente 600 pessoas, entre elas celebridades, estilistas e personalidades renomadas do mundo da moda. O evento tem como objetivo angariar fundos para o Costume Institute, entidade do próprio MET que consagrou a moda como forma de arte e fonte de pesquisa e estudos. Esse instituto foi fundado em 1946 e tem no acervo mais de 33 mil itens, incluindo roupas e acessórios, de mais de sete séculos de história.

Crédito de imagem: Roy Rochlin/Getty Images/reprodução

O primeiro gala ocorreu em 1948. Até 1972, a festa era itinerante, ou seja, acontecia a cada ano em um lugar. A partir de 1973, os bailes passaram a ser realizados nas dependências do MET. Desde então, os idealizadores do gala começaram a determinar o dress code [regras de vestimenta] da festa, ou seja, como os convidados devem se vestir. 

Os temas escolhidos são inspirados nas exposições que o instituto fará no decorrer do ano. As festas temáticas, então, passaram a servir de chamariz para essas exposições, cujos ingressos são outra maneira de obter recursos para financiar o instituto. Até 1999, o gala ocorria em dezembro, à meia-noite, mas depois passou a acontecer tradicionalmente na primeira segunda-feira de maio de cada ano.

Este ano, o grande baile foi em 6 de maio, e o tema (que também é o tema da exposição em cartaz no museu) foi Sleeping Beauties: Reawakening Fasion (“Belas Adormecidas: despertando a moda”, em tradução livre do inglês). O dress code, no entanto, foi “O jardim do tempo”, inspirado no conto, publicado em 1962, do escritor J. G. Ballard, que nasceu em Shangai, na China, e viveu na Inglaterra.

Espaço reservado para convidados desfilarem e posarem. Crédito de imagem: Dimitrios Kambouris/Getty Images for The Met Museum/Vogue/reprodução

O conto narra a história de um conde e uma condessa que vivem em uma vila dos sonhos, com terraço e um lindo jardim. Do outro lado, há uma multidão em fúria, que segue em direção à vila. O conde, então, todos os dias, colhe uma flor do tempo em seu jardim, retrocedendo as horas e revertendo o avanço do grupo, até que todas as flores acabam.

No museu, foram expostas peças antigas, desde o século 17, conhecida como Era Elisabetana, até da atualidade, com o intuito de mostrar que, no futuro, os trajes serão considerados muito frágeis e delicados para ser usados novamente.

Crédito de imagem: trecho da exposição atual do MET, com vestimentas de diferentes épocas. Crédito de imagem: Slaven Vlasic/Getty Images

Agora, vamos conferir os looks que as celebridades e os fashionistas mais badalados do mundo da moda vestiram neste ano?

Enquete

Sobre qual assunto você gosta mais de ler no portal do Joca?

Comentários (0)

Compartilhar por email

error: Contéudo Protegido