Um estudo publicado na revista Science Advances, em 14 de agosto, afirma que pedaços de microplástico (veja no box da matéria à esquerda) estão caindo do céu com a neve em algumas regiões do mundo, como o Ártico — considerada uma das áreas menos afetadas pela atividade humana no planeta, no hemisfério norte. De acordo com a pesquisa, o plástico deve ter sido levado para a região pelo vento.

Para descobrir as partículas, a equipe coletou neve do Ártico na Noruega. As amostras foram levadas até o laboratório do Instituto Alfred Wegener, na Alemanha, onde, além do plástico, foram detectados outros materiais, como tinta e fragmentos de borracha de pneu.

Como as partículas estão no ar, é possível que as pessoas respirem esse material. De acordo com o estudo, ainda não se sabe quais podem ser as consequências para a saúde humana.

Mais sinais de plástico

plastico-artico-ciencia-e-tecnologia-136
#pracegover: cientistas usando roupas pretas buscam resíduos nos chãos cheio de gelo branco do Ártico. Foto: Reprodução de vídeo Instituto Alfred Wegener.

Outra equipe de pesquisadores, da Universidade de Rhode Island, nos Estados Unidos, também encontrou plástico no Ártico durante uma expedição de 18 dias. O material visto tinha tamanhos variados e não se restringia a partículas de microplástico.

Fontes: BBC, G1 e Science Advances.

Esta matéria foi originalmente publicada na edição 136 do jornal Joca.

 

Enquete

Há quanto tempo você é leitor do Joca?

Comentários (0)

Compartilhar por email