Campeonato Mundial de Natação em Budapest

Na tarde deste domingo, (30), o Brasil encerrou sua participação no Mundial dos Esportes Aquáticos de Budapeste. Essa foi a segunda melhor campanha do país em número total de medalhas. Foram oito pódios no total — 2 ouros, 4 pratas e 2 bronzes — somando maratonas aquáticas e natação. Barcelona 2013 foi o mundial com maior número de medalhas (10) e Xangai 2011, o maior número de pódios dourados, com quatro vitórias.

Etienne, ao centro, leva medalha de ouro

Um dos destaques foi a nadadora Etiene Medeiros, que tornou-se a primeira brasileira a ganhar o título mundial em piscina longa. Outro destaque ficou com o nadador Bruno Fratus, que ganhou medalha de prata e consagrou-se como o melhor nadador do Brasil na atualidade.

Bruno comemora conquista na piscina

Assim o país encerrou sua participação na competição na Hungria em 10º lugar no quadro geral de medalhas. Na Rússia, no Mundial de 2015, foram quatro pódios, duas pratas e dois bronzes, na piscina, e três nas águas abertas.

Resultado de imagem para campeonato mundial budapeste brasil

 

Enquete

Pelo o que você mais está esperando em 2022?

Comentários (0)

Compartilhar por email