A mulher mais velha do mundo, a italiana Emma Morano, é a última sobrevivente conhecida do século XIX e acaba de completar  117 anos.

Emma nasceu em 29 de novembro de 1899.

Ela diz que seu 1º marido morreu durante a I Guerra Mundial e que trabalhou até os 75 anos em uma fábrica de bolsas.

A italiana mora num pequeno apartamento em Verbania, norte da Itália.

A italiana tem uma alimentação a base de ovos, e segue o conselho que recebeu de um médico quando tinha 20 anos de se alimentar com três ovos diários, dois crus e um cozido, um pouco de carne e poucas frutas ou verduras.

Ela também adora biscoitos e doces.

Resultado de imagem

A senhora era muito independente até o ano passado, mas não sai do seu apartamento há 20 anos. Há um ano ela está na cama, sendo ajudada por uma enfermeira.

Atualmente ela também não ouve muito bem,  fala com dificuldades, mal consegue assistir à televisão e passa grande parte do dia dormindo.

Enquete

Pelo o que você mais está esperando em 2022?

Comentários (0)

Compartilhar por email