Maior navio do mundo zarpa de porto francês
No dia 6 de novembro, o maior navio do mundo, batizado de Wonder of the Seas (maravilha dos mares, em tradução livre), deixou o porto francês de Saint-Nazaire. Ele está navegando em direção à cidade de Marselha, onde vai receber os últimos retoques antes de ser inaugurado como cruzeiro turístico, em março de 2022. A embarcação tem 16 andares, 362 metros de comprimento e capacidade para transportar mais de 9 mil pessoas.
Fontes: O Globo e UOL.

Alemanha tem recorde de casos de covid-19
No dia 8 de novembro, a taxa de infecção pelo novo coronavírus na Alemanha alcançou o nível mais alto desde o começo da pandemia. O cálculo é feito a partir dos casos acumulados nos últimos sete dias e chegou a 201 casos a cada 100 mil habitantes (o recorde até então era de 197). O governo declarou que isso se deve ao número baixo de vacinados (menos de 70% da população foi imunizada) e pediu que os alemães procurem um posto de saúde para receber as doses de imunizante.
Fontes: G1 e Terra.

Embarcação com mais de 800 imigrantes chega ao sul da Itália
Um navio com mais de 800 imigrantes do Mediterrâneo chegou ao porto de Trapani, no sul da Itália, em 7 de novembro. A ação integrou uma operação das Organizações Não Governamentais (ONGs) alemãs SeaEye e Mission Lifeline para resgatar pessoas que estavam em locais como o mar entre a Líbia e a Sicília após deixar seu país de origem.
Fontes: DW e UOL.

Pela primeira vez em 15 meses, Japão não registra mortes por covid-19
O dia 7 de novembro foi o primeiro desde 2 de agosto de 2020 em que o Japão não registrou nenhuma morte causada pela covid-19. Por lá, cerca de 75% da população está com a imunização completa contra a doença (ou seja, recebeu duas doses ou dose única da vacina), de acordo com o site Our World in Data. Para evitar uma nova onda do vírus, o governo local planeja aplicar doses de reforço do imunizante a partir de dezembro.
Fontes: G1, Our World in Data e Exame.

Nicarágua elege novo presidente em eleição questionada
Daniel Ortega venceu a eleição presidencial da Nicarágua pela quarta vez. O resultado foi divulgado no dia 7 de novembro, pelo tribunal eleitoral do país. A oposição questionou o processo e declarou que as eleições podem ter sido fraudadas. Joe Biden, presidente dos Estados Unidos, emitiu uma nota dizendo que Ortega usou recursos judiciais para prender sete oponentes políticos e que, por isso, a eleição não foi justa ou democrática.
Fontes: Folha de S.Paulo e UOL.

Drone atinge casa do primeiro-ministro do Iraque
Mustafa al-Kadhimi, atual primeiro-ministro iraquiano, sofreu um ataque após um drone carregado de explosivos atingir a casa dele, em Bagdá, em 6 de novembro. O premiê não se machucou. O Iraque está passando por um período de manifestações desde as eleições de outubro, que deram o cargo a alKadhimi, pois parte da população acredita que o processo foi fraudado.
Fontes: Al Jazeera e G1.

Centenas se reúnem em guerra de estrume na Índia  
Homens e meninos hindus se reuniram em 6 de novembro, na cidade de Gumatapura, na Índia, para celebrar o Gorehabba, ritual em que é feita uma guerra de estrume (ou seja, cocô) de vaca após uma cerimônia religiosa. Na cultura hindu, acreditase que o estrume da vaca — animal considerado sagrado na Índia — seja capaz de curar e prevenir doenças. Todos os anos, o evento atrai centenas de pessoas à cidade.
Fontes: NDTV e UOL.

Nuvem de poluição faz China suspender aulas de educação física
Uma nuvem de poeira que atingiu cidades do norte da China fez com que a capital, Pequim, fechasse parques e proibisse que estudantes fizessem aulas de educação física, em 5 de novembro. Isso porque o nível atingido de poluição pode causar problemas respiratórios. Além disso, como a poeira era muito densa e prejudicava a visibilidade, estradas foram fechadas para evitar acidentes.
Fontes: Estadão e Poder360.

Números da covid-19 no mundo
Total de casos: 249.743.428*
Total de mortes: 5.047.652*
Pessoas vacinadas, 1ª dose: 891.180.000**
Pessoas vacinadas, dose única ou segunda dose: 3.130.000.000**
Fontes: *Organização Mundial da Saúde; **Our World in Data; dados de 8 de novembro

Esta matéria foi originalmente publicada na edição 180 do jornal Joca

Enquete

De qual capa do Joca em 2022 você mais gostou até agora?

Comentários (0)

Compartilhar por email