criancas fazem acoes para o mundo home
criancas fazem acoes para o mundo home

O que você já fez para ajudar o mundo? Às vezes, pequenas ações, como plantar uma árvore ou colaborar com alguém, podem fazer muita diferença. Abaixo, você confere histórias de crianças e adolescentes que fizeram algo que teve algum impacto positivo para o planeta.

“Eu e os outros alunos fizemos um sabão com óleo de cozinha usado. A gente viu que em vários lugares as pessoas jogam óleo usado na pia. Esse óleo vai parar nas águas e prejudica os peixes. Nós fizemos o sabão para ajudar o meio ambiente.” Alice M., 7 anos, e Alice P., 8 anos, do Colégio Cristo Rei (SP)

De acordo com dados da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp), 1 litro de óleo é capaz de contaminar até 25 mil litros de água (o equivalente ao volume necessário para encher um aquário de 40 centímetros de comprimento e 30 centímetros de altura). Para evitar o descarte incorreto da substância, recomenda-se levar o óleo já utilizado para postos de reciclagem – ou fazer um sabão caseiro usando o material. Peça sempre a ajuda de um adulto! 

 

“Fizemos uma campanha para arrecadar lacres. Nós precisávamos de 140 garrafas PET cheias de lacres para trocar por uma cadeira de rodas e dar para alguém que precisasse dela. Nós conseguimos encher umas 70 garrafas. Levamos para o Lacre Amigo [saiba mais abaixo] o que conseguimos para juntar com o que outras escolas também tinham arrecadado. Juntando tudo, pode ser que dê 140.” Bruno T., 10 anos, do Colégio Cristo Rei (SP).

O Lacre Amigo é um projeto que recebe lacres de refrigerante e troca por cadeiras de roda. As cadeiras são doadas para instituições sociais, locais onde há pessoas que precisam delas. Para ajudar no processo, o interessado deve encher 140 garrafas PET de lacres de refrigerante e levar para um dos pontos de coleta do Lacre Amigo. Saiba mais aqui.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), no mundo, há cerca de 20 milhões de pessoas que precisam de cadeiras de rodas, mas não têm acesso a elas. Muitas vezes, os indivíduos não têm dinheiro suficiente para comprá-las.

cadeira de rodas ações para mudar o mundo

“A gente ajudou as crianças do Centro Educacional Santo Agostinho (Cesa) [instituição voltada para pessoas com pouco dinheiro]. Nós compartilhamos algumas brincadeiras que sabíamos com os alunos e brincamos todos juntos de terra, água e ar, pega-pega, e outras coisas. Eu achei legal porque fizemos novos amigos.” Lucas C., 7 anos, do Colégio Cristo Rei (SP). 

Brincar é um dos direitos das crianças. O Estatuto da Criança e do Adolescente, conjunto de regras que tem como objetivo proteger as crianças e adolescentes, afirma que toda criança tem o direito de “brincar, praticar esportes e se divertir”. Ao participar de uma brincadeira, a pessoa descobre coisas novas, faz amigos, desenvolve a memória, entre outros.

cesta básica ações para mudar o mundo

“Todos os anos, no mês de dezembro, nós organizamos na escola uma campanha chamada Torneio Solidário. Arrecadamos cestas básicas, que são doadas para famílias carentes [cada aluno, professor e servidor fica responsável por levar um quilo de alimento, para compor as cestas]. É um projeto que envolve respeito, solidariedade e companheirismo.”  Maria Jaquelane S., 17 anos, da E. E. M. Padre Rodolfo Ferreira da Cunha (CE).

Segundo os últimos dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Brasil tem 54,8 milhões de pessoas em situação de pobreza, ou seja, vivendo com menos de 406 reais por mês. Com pouco dinheiro, elas muitas vezes têm dificuldade para comprar itens básicos, como alimentos e produtos de higiene.

O número de pessoas vivendo em situação de pobreza no Brasil é maior do que a população da Argentina, que é de 47 milhões de habitantes.

reflorestamento de mangues ações para ajudar o planeta

“Já participei de trabalhos de reflorestamento de mangues, de plásticos nas praias [projeto no qual os jovens coletam os materiais, pesam, fazem classificações e colocam os dados em planilhas], entre outros. Eu me sinto muito feliz por poder participar de todos esses projetos, que acontecem no clube de ciências da escola. Aprendo tanto na prática como na teoria.” Hugo C., 17 anos, da E. E. M. Padre Rodolfo Ferreira da Cunha (CE).

Os mangues são a vegetação do manguezal, bioma (saiba mais abaixo) que pode ser encontrado do Amapá a Santa Catarina. Esse ecossistema é fundamental para a sobrevivência de diversas espécies de peixes, moluscos e crustáceos, que usam o local para reprodução e abrigo, por exemplo.

O manguezal, no entanto, encontra-se ameaçado. Estima-se que, de 2001 a 2016, o bioma tenha perdido 20% de sua área. Com o crescimento das cidades, muitas áreas de mangues são destruídas para dar lugar a residências, portos, entre outros.

Além do manguezal, outro ecossistema que está em risco é o marinho. A grande quantidade de lixo jogada nas praias e nos mares prejudica a saúde de diversos animais, podendo levá-los à morte. Se a situação continuar do jeito que está, em 2050, o mar terá mais plástico do que peixes, segundo o Fórum Econômico Mundial de Davos.

Glossário

Bioma: grande área que apresenta características parecidas, como clima e vegetação. Alguns biomas brasileiros são caatinga, cerrado e Amazônia.

Ecossistema: conjunto de seres vivos, como animais e plantas, e elementos, como o solo, que interagem entre si  em um determinado local.

Fórum Econômico Mundial de Davos: organização da Suíça que faz reuniões todo ano para líderes mundiais discutirem temas importantes, como dinheiro, saúde e meio ambiente.

Se você também tiver alguma história legal para contar, compartilhe com a gente! Mande o seu relato para joca@magiadeler.com.br.

Comentários (2)

  • João Victor Vicente de Souza Oscar

    2 semanas atrás

    gostei

  • pedrofcabral@aluno.colegiomotiva.com.br

    2 semanas atrás

    Gostei da matéria

Compartilhar por email