A França se tornou o primeiro país do mundo a ter uma estrada com painéis solares, aparelhos que transformam a luz do sol em eletricidade.

Localizada na pequena vila de Tourouvre-au-Perche, na Normandia, a novidade conta com mais de 2.800 metros quadrados de painéis, que são resistentes o bastante para aguentar o peso dos automóveis.

A ideia é fazer um teste para saber se os painéis conseguem gerar energia suficiente para iluminar as ruas do vilarejo, que tem cerca de 3400 moradores.

Para gerar energia por meio da luz solar, não é necessário usar combustíveis fósseis, como petróleo e carvão, que poluem a atmosfera, nem modificar a vida de animais e plantas, como pode acontecer quando uma hidrelétrica é instalada em um rio.

Diante disso, muitos cientistas e pessoas que trabalham com o meio ambiente recomendam o uso da energia solar por ser uma opção sustentável, que não agride o meio ambiente.

No entanto, nem todos os especialistas em energia solar gostaram da ideia de uma estrada com painéis solares. Em entrevista ao jornal “Le Monde”, o vice-presidente da Network for Energetic Transition, Marc Jedliczka, disse que os custos para colocar os aparelhos são muito altos e ainda não dá para saber se eles realmente funcionarão. “Com certeza é um avanço tecnológico com, mas nós temos mais certeza de que ele é caro do que certeza de que ele vá realmente funcionar”, disse.

Enquete

Há quanto tempo você é leitor do Joca?

Comentários (0)

Compartilhar por email