O Canadá, um dos países com maiores índices de desenvolvimento humano (IDH), resolveu tomar uma atitude contra o desperdício de comida.

Há alguns anos, o país criou um banco de alimentos com a comida prestes a vencer nas prateleiras do supermercado.

Interligado a 177 supermercados da cidade de Montreal, na província de Quebec, o banco conseguiu juntar só no ano passado, quando estava em fase de testes, 2,5 mil toneladas de comida que seriam desperdiçadas.

Montreal, no Canadá

Com o sucesso dos números, a Food Banks of Quebec (FBC) aumentou o programa para 611 supermercados. A estimativa é reduzir o desperdício e o lixo orgânico em mais de 13 mil toneladas.

Além de evitar o desperdício, todos os alimentos arrecadados pelo banco serão doados para as pessoas que precisam.

Segundo a ONU, 1,3 bilhão de comida é jogada fora no mundo todo

Outros países também possuem iniciativas para evitar o desperdício de comida.
Na Alemanha, as embalagens não terão mais prazos de validade. Pouca gente sabe, mas a data de validade não quer dizer que o alimento não pode mais ser consumido.

Ela representa apenas o período em que o gosto, o cheiro, a cor, a consistência e o valor nutricional permanecem inalterados desde a fabricação. E esse mal entendimento causa um grande desperdício.

Comida fora do padrão vendida com desconto em Londres

Na Dinamarca, há um supermercado que vende alimentos vencidos com desconto. Na Inglaterra, mais especificamente em Londres, toda comida considerada fora do padrão que iria para o lixo é vendida com 70% de desconto.

Segundo a ONU (Organização das Nações Unidas), todos os anos, aproximadamente 1,3 bilhão de comida é jogado no lixo no mundo todo. Esse número significa que um terço da produção mundial é desperdiçada.

Enquete

Como você está participando dos 10 anos do Joca?

Comentários (0)

Compartilhar por email